Transporte público em Aparecida de Goiânia recebe aporte de R$ 50 milhões para melhorias

A qualidade do transporte público em Aparecida de Goiânia está prestes a receber um significativo impulso. Com um aporte superior a R$ 50 milhões para subsidiar a tarifa do transporte coletivo, os moradores da cidade podem esperar melhorias substanciais, incluindo a modernização dos pontos de ônibus, aquisição de novos veículos e aumento da segurança para os usuários.

Este avanço é resultado do projeto Nova Rede Metropolitana de Transporte Coletivo (RMTC), uma colaboração entre a Prefeitura de Aparecida de Goiânia e o Governo do Estado de Goiás. Anunciado pelo governador Ronaldo Caiado, o projeto preconiza um investimento de R$ 1,6 bilhão ao longo de três anos, contemplando a renovação de uma frota de 1,2 mil veículos que beneficiará não só Aparecida de Goiânia, mas também as cidades de Senador Canedo, Trindade e Goianira.

Um dos destaques do projeto é a inclusão de ar-condicionado em todos os novos ônibus, visando oferecer um conforto sem precedentes aos passageiros. Adicionalmente, está prevista a revitalização de 6,9 mil pontos de ônibus em toda a Região Metropolitana, melhorando significativamente a experiência de espera.

O prefeito Vilmar Mariano destacou o impacto positivo dessas iniciativas. “Estamos profundamente agradecidos pela oportunidade de proporcionar à nossa população um serviço de transporte público de alta qualidade. Já realizamos investimentos significativos para subsidiar a tarifa e promover benefícios aos usuários do transporte coletivo. Com essa nova parceria, temos a certeza de que nossos cidadãos serão os maiores beneficiados. Estamos empenhados em tornar esse projeto uma realidade e estamos entusiasmados com o futuro”, disse Mariano, ao lado de figuras importantes como o secretário de Mobilidade de Aparecida, Avelino Marinho, e o vereador Diony Nery.

O governador Ronaldo Caiado também enalteceu a união de esforços para o desenvolvimento de Goiás, destacando a colaboração entre prefeitos, vereadores e deputados estaduais.

Para reforçar a segurança, sobretudo das mulheres que utilizam o transporte público, será feita a integração dos aplicativos Mulher Segura e SimRMTC. Essa medida proporcionará às usuárias acesso direto aos serviços de Segurança Pública do Estado de Goiás, incluindo localização de delegacias próximas, registro de ocorrências e comunicação direta com a Polícia Militar.

Em relação ao subsídio do transporte coletivo, desde 2023, a Prefeitura de Aparecida tem contribuído com R$ 53,2 milhões para manter a tarifa em R$ 4,30, valor que se mantém desde 2019. Esse esforço conjunto, que inclui também o governo estadual e outras prefeituras, permite aos cidadãos de Aparecida usufruir da meia-tarifa em diversas linhas de ônibus, garantindo acessibilidade e continuidade do benefício graças a uma recente aprovação da Câmara Municipal de Aparecida.

Avalie o Post post

Mostre mais

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo