Jornal VER7 – Ministério da Agricultura e ASBRAM Unem Forças para Capacitar Profissionais Agropecuários com Tecnologias Sustentáveis

O Ministério da Agricultura e Pecuária (Mapa), através de sua Secretaria de Inovação, Desenvolvimento Sustentável, Irrigação e Cooperativismo (SDI), formalizou um Acordo de Cooperação Técnica (ACT) com a Associação Brasileira das Indústrias de Suplementos Minerais (ASBRAM), marcando um importante passo em direção ao fortalecimento da capacitação de profissionais no setor agropecuário.

A parceria tem como missão principal a realização de atividades voltadas para a capacitação, transferência de conhecimento e disseminação de informações cruciais, conceitos inovadores, sistemas de produção eficazes e tecnologias sustentáveis destinadas a produtores e técnicos agropecuários que trabalham com bovinos de corte e leite em todo o território nacional.

O cerne dessa colaboração está nas tecnologias que serão disponibilizadas pelo Mapa, fundamentadas no Plano ABC+. Essas ferramentas visam a formação e o aprimoramento de profissionais, habilitando-os a desenvolver processos de produção resilientes e com baixas emissões de gases de efeito estufa. A ASBRAM, por sua vez, desempenha um papel vital, contando com aproximadamente 15 mil técnicos de campo que desempenham um papel fundamental na disseminação dessas práticas diariamente.

Este ACT representa uma oportunidade crucial para que as políticas governamentais alcancem profissionais do setor com eficiência e rapidez. Além disso, a parceria possibilitará uma colaboração frutífera entre o governo e o setor privado na promoção dessas políticas, através da realização de eventos práticos no campo e da divulgação de iniciativas aos produtores rurais.

Clecivaldo de Sousa Ribeiro, diretor do Departamento de Desenvolvimento das Cadeias Produtivas e de Indicações Geográficas (Decap/SDI), destacou a importância dessa colaboração com a ASBRAM, afirmando que “essa parceria vai permitir que as boas práticas de produção agropecuária cheguem a propriedades rurais nos mais diversos cantos desse país. Estamos em um país de dimensões continentais e devido à grande capilaridade da ASBRAM, vamos conseguir ampliar nossa atuação na utilização das tecnologias do Plano ABC+, tendo como resultado uma pecuária mais sustentável, emitindo cada vez menos gás de efeito estufa.” Este compromisso conjunto entre o Mapa e a ASBRAM promete trazer avanços significativos para o setor agropecuário brasileiro, impulsionando-o em direção a práticas mais sustentáveis e eficientes.

Avalie o Post post

Mostre mais

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo