DestaqueManchetesMundo

Jornal VER7 – Equipes relatam progresso na batalha contra incêndios florestais na Califórnia

Um redemoinho de cinzas sobe de um cume em um incêndio perto do Lago Elsinore, no sul da Califórnia

As equipes que lutam contra o maior incêndio florestal registrado na Califórnia fizeram alguns progressos, mas a previsão do tempo para o resto da semana não é promissora, disseram as autoridades na quarta-feira.

Ele continuará muito quente e ventoso – condições que ajudam a espalhar fogo – até pelo menos a noite de sábado, informou o escritório do Serviço Nacional de Meteorologia na capital Sacramento.

“Fumaça e neblina continuarão a impactar o #norcal. Temperaturas mais altas e maiores preocupações com o clima de fogo no final desta semana”, disse a agência.

O furioso incêndio do Complexo Mendocino, composto por chamas gêmeas no norte do estado, já destruiu pouco mais de 300.000 acres (120.000 hectares) – aproximadamente o tamanho de Los Angeles – em menos de duas semanas. Na segunda-feira, tornou-se o maior incêndio florestal da Califórnia desde que a manutenção de registros começou há um século.

Cerca de 14 mil bombeiros, incluindo reforços de lugares tão distantes quanto a Austrália e a Nova Zelândia, estão combatendo a tempestade que continua com 47 por cento, informou a agência estatal Calfire em uma atualização às 14h (horário de Brasília). Isso é de 34 por cento 12 horas antes.

O Rio Fire do Complexo Mendocino está 81 por cento contido, tendo queimado 48.920 acres. Mas o incêndio de seu parceiro, o Ranch Fire, cresceu para 251.000 acres e está com apenas 46 por cento contido.

Uma mudança no clima pode fazer uma grande diferença para as equipes de combate a incêndios.

“O tempo foi um grande fator hoje e, devido aos ventos que cobrem a área de fogo, causou temperaturas mais baixas do que o previsto”, disse Calfire na noite de terça-feira.

“A redução de temperatura permitiu que as equipes continuassem com um trabalho valioso para conter a borda do perímetro de incêndio, diminuindo o crescimento do fogo”, acrescentou. As equipes usaram as temperaturas mais baixas para aumentar as linhas de contenção.

No geral, o incêndio do Complexo de Mendocino destruiu pelo menos 221 estruturas, 116 delas residências. Mais de 10.000 outras estruturas estão ameaçadas, de acordo com o CalFire.

O fogo do rancho, que representa o maior desafio, varreu as barreiras naturais, como rios, e um fosso escavado com maquinaria de movimentação de terras.

Helicópteros e aviões, incluindo dois maciços DC-10 e um jumbo 747, apoiaram os bombeiros com água nas chamas.

Duas pessoas morreram apenas naquele inferno, levando para 11 o número de pessoas mortas por grandes incêndios que estão se tornando uma constante no estado.

– Incêndios em 11 estados –

O incêndio de Carr, ao norte, perto da cidade de Redding, já engoliu mais de 173.000 acres desde o início de 23 de julho, matando sete pessoas até o momento.

Até o início da quarta-feira, os bombeiros conseguiram obter 47 por cento contidos.

Outro grande incêndio, Ferguson, deixou duas pessoas mortas e forçou o fechamento de parte do Parque Nacional de Yosemite. Atualmente, 43% estão contidos.

Somente na segunda-feira, 127 incêndios florestais atingiram 1,6 milhão de acres de terra em 11 estados, informou o Centro Nacional de Incêndios Interagentes.

Na Califórnia, dezenas de milhares de pessoas foram forçadas a abandonar suas casas no mês passado, embora algumas tenham sido autorizadas a voltar atrás.

O Complexo Mendocino é o segundo incêndio a quebrar recordes na Califórnia em tantos anos, seguindo o Thomas Fire em dezembro de 2017 que destruiu 281.893 acres.

No sul do estado, perto de San Diego, centenas de pessoas se mobilizaram para atacar o Santo Fogo na Floresta Nacional de Cleveland.

Na segunda-feira, o Pentágono disse que enviaria 200 soldados para ajudar os bombeiros a combater as chamas nos estados ocidentais.

Cerca de 1.000 funcionários da Guarda Nacional estão apoiando operações de incêndio na Califórnia, com outros 450 em Oregon e 170 no estado de Washington, acrescentou.

Jornal VER7 – Equipes relatam progresso na batalha contra incêndios florestais na Califórnia
Avalie esta postagem
Tags

# Caik

Caik é jornalista.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *